stoner/doom

Hellhookah – Endless Serpents

 

Stoner / Doom

Lituânia

Facebook / Bandcamp

NoSlip Records (Big Cartel / Facebook)

Um rota não tão comum de bandas é a Lituânia, talvez por falta de uma divulgação mais ampla não chegue ao nosso conhecimento o que rola por lá na cena. O duo Hellhookah lançou seu debut Endless Serpents em Outubro de 2015, tocando um Stoner / Doom pesado e monolítico. Em 2016 a banda entrou para o cast da NoSlip Records e através do contato da gravadora com a page, recebemos a recomendação do material da banda.

Apesar de estar começando a trilhar o seu caminho no meio, a banda formada por Arnas (guitarra, baixo, vocal) e Gintaré (bateria), mostra maturidade e competência ao longo do empolgante Endless Serpents, álbum que desde a artwork sensacional já ganha nossa atenção e desperta nossa curiosidade. A sonoridade da banda traz aqueles riffs pesados sob medida, com um clima bem denso e direto. O vocal utiliza um tom que se apresenta efetivo e consistente em meio ao som pesado e arrastado da banda. Faixas como a abertura A Storm in the Hidden World e a faixa título, já prendem o ouvinte na agonia e fúria eminente transmitidas pelo som do Hellhookah.

A banda adotou um padrão para trabalhar sua sonoridade e não fugiu dele ao decorrer do álbum, o que faz com que o release seja sólido e fiel às convicções da banda. Uma percussão carregada e pesada vinda da bateria se espalha ao longo das faixas, se mostrando eficaz principalmente nas partes apenas instrumentais. Um estoque de riffs pesados e bem destacados se faz presente no trabalho da banda, resgatando a essência de bandas como Cathedral e Saint Vitus. Falando no Vitus, a faixa que encerra o álbum é um cover da clássica Born Too Late, na qual a banda conseguiu manter a vibe original da faixa além de dar sua cara ao cover.

Hellhookah é uma das bandas que surgem fora das rotas mais convencionais do estilo e que geralmente podem passar despercebidas por uma parte do público, mas certamente é um release que merece ser conferido e passado adiante. Peso, um tom sombrio, instrumental bem tocado e uma série de riffs grandiosos, Hellhookah tem tudo isso à oferecer.

Tracklist:

01 – A Storn in the Hidden World

02 – Endless Serpents

03 – The Way

04 – No Breaks

05 – The Overman’s Eye

06 – Free Fall (Instrumental)

07 – Born Too Late

Ouça o álbum no Bandcamp.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s