em destaque

Em Destaque: Dvne, Loss & Nekromant

Dvne – Asheran

a0062212826_16

 

Asheran é o primeiro full lenght do quarteto escocês Dvne e um dos lançamentos mais interessantes que escutei recentemente. O álbum lançado no dia 28 de Julho apresenta uma maturidade e evolução ainda maiores do que aquilo encontrado nos dois EP’s anteriores. A banda aposta em composições que passeiam pela profundidade e complexidade do metal progressivo, mas a forma com que ela nos é apresentada consegue soar incrivelmente cativante logo no primeiro contato. O álbum mantém uma harmonia incrível entre peso e momentos mais expansivos, nos quais a banda abraça uma série de influências e consegue através da experimentação de elementos vindos do Sludge e Post-Metal equilibrá-los dentro do contexto do álbum, seguindo uma fórmula que será apreciada por fãs de bandas como Mastodon e Baroness. Faixas em destaque: “Viridian Bloom” e “Descent of the Asheran”.

 

 

Loss – Horizonless

a2249881515_16

 

Nem sempre dá para fazer uma resenha completa de tudo aquilo que você gostaria, inclusive um dos álbuns que mais me agradaram em 2017, o Horizonless da banda americana Loss. Eu não sou o tipo de pessoa que mais se identifica com o Funeral Doom, mas a Loss é uma banda que sempre conseguiu atrair minha atenção. E Horizonless é para mim o melhor trabalho da banda, ele consegue captar a essência do estilo mas se apresentar dentro da própria dinâmica do grupo. Ele tem um lado cru, visceral e mais de acordo com o que você esperaria de um lançamento dessa esfera, só que ao mesmo tempo a banda é capaz de criar composições bem estruturadas e com melodias incríveis, o que faz cada momento do álbum ser especial. Faixas em destaque: “All Grows on Tears” e “When Death Is All”.

 

 

Nekromant – Snakes & Liars

a0747351399_16

 

Acredite ou não, mas nem sempre eu estou escutando algo estranho, fora da curva ou que fuja do convencional. De vez em quando é bom sentar e escutar algo que simplesmente faça bem para meus ouvidos e mente, sem ter que sair das convenções do gênero. E numa dessas ocasiões nada melhor que o álbum de estreia da banda sueca Nekromant. Snakes & Liars apesar de ser algo familiar à todos, se destaca pela dinâmica consistente e instrumental honestamente empolgante com seu Proto-Metal / Doom. O trio entrega noves faixas absurdamente viciantes, capazes de te ganhar pela suavidade e tranquilidade aparente (como na “Ashes & Rain”) ou pela dinâmica intensificada através de ritmos exuberantes e vocais impressionantes (como na “Black Velvet”). Faixas em destaque: “Funeral Worship” e “Spelmannen”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s