resenha / review

WEEDPECKER – III

Após dois anos de espera, finalmente podemos conferir o mais novo álbum de estúdio dos poloneses Weedpecker. Simplesmente intitulado III, o álbum foi lançado no dia 5 de Janeiro pela Stickman Records, gravadora que mais recentemente entregou o aclamado Reflections Of A Floating World dos Elder.

Se o psicodélico é algo que não soa estranho ou mesmo novidade na música dos Weedpecker, a banda resolveu apostar de vez na vertente em combinação com alguns momentos mais progressivos, mas sem deixar de lado aquele peso moderado e a energia transbordante existente numa live jam.

III é um álbum que expande os elementos musicais da banda, mas sem perder aquele tom familiar ou mesmo entregar algo que caia nas complexidades. As harmonias vocais suaves e nebulosas são marcantes ao longo do álbum, criando aquele tom onírico envolvente e que fará sua mente transitar por todas as camadas do instrumental, algo que já fica nítido na bela faixa de abertura “Molecule”.

As cinco faixas presentes no disco desfrutam de evoluções marcadas pela calma em que ocorrem, a Weedpecker permite ao ouvinte saborear cada mínimo detalhe e se envolver por completo na atmosfera psicotrópica criada pelo grupo e que graças a produção cristalina do Haldor Grunberg se torna ainda mais eficiente. E isso é algo que faz todo o diferencial numa faixa como a “Embrace”, que transita pelos lados mais psicodélicos e dinâmicos do grupo, até chegar num desfecho completamente floydiano.

“From Mars to Mercury” e “Lazy Boy and the Temple of Wonders” são duas faixas distintas. A primeira aposta num lado mais frenético e riffs com peso moderado, a segunda é mais um passeio cósmico num estilo que se aproxima ao encontrado na “Embrace”. E a surpresa para mim ficou por conta da “Liquid Sky”, de longe a faixa mais acessível e grudenta (no bom sentido) do disco, e aquela que aos poucos vai se tornando a minha favorita.

III é um álbum que acerta nas doses de psicodelismo, criando faixas hipnóticas e entusiasmantes que entregam uma variedade de detalhes mais do que suficientes para agradar aqueles que se identificam com esse tipo de sonoridade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s